sexta-feira, 22 de fevereiro de 2008

Natal RN Brasil - Parte II

Depois de muito penar na areia, finalmente chegamos ao que se pode chamar de porta de saida da praia! Deve dizer-se no entanto que naquela praia o mar tinha um ar selvagem, diferente do de Buzios e Natal...

Que contentes que ficamos por ver casinhas de madeira e tijolo junto ao caminho arenoso! Encontramos um grupo de jovens que por ali andavam e perguntamos se ainda faltava muito para apanhar a estrada! Disseram-nos que nao e perguntaram com muita calma: "Voces vieram da praia com essa motozinha?". Deviam ver as faces deles de espanto ao saber que tinhamos percorrido desde a balsa ate ali pela areia alagada com aquela "motozinha"!

Por fim encontramos a tao desejada estrada de alcatrao! E ai seguimos ate Natal com o sol ja a por-se! Diga-se de passagem que, de facto, se o nosso meio de transporte fosse um jipe, o melhor caminho seria mesmo aquele pela areia, mas nas nossas condicoes a escolha so foi boa pela experiencia aventurada que tivemos para mais tarde recordar... e rir as gargalhadas! ;o)

Uma vez em Natal resolvemos ainda ir visitar o Forte dos Reis Magos! Sim, 'e um monumento em forma de estrela que foi construido adivinhem por quem?.... pelos Portugueses! Exactamente, pelos nossos antepassados!

[E agora so aqui um aparte: eu da-me pena quando vejo os portugueses lamentarem-se do seu pais e como a vida lhes 'e negra (salvo seja)! Portugal continua a ser um pais lindo, inundado de sol que lhe da uma luz fantastica, calor, natureza verde e plantas belissimas, pessoas queridas e acolhedoras! Nao entendo como em geral, os portugueses se queixam por tudo e por nada! 'E certo que nao 'e a oitava maravilha e ha muita coisa que nao funciona por corrupcao de quem o governa! Mas se cada portugues der o seu melhor, ou seja, ter vontade de ser melhor o pais tem de andar para a frente. Para mim Portugal 'e um dos melhores paises para viver em termos de qualidade de vida (sim! qualidade de vida!), por varios motivos: 1. quem la vive nao esta tao susceptivel a depressoes como alguem que viva em Franca ou Suecia, pelos factores climatericos; 2. porque 'e um pais quente as doencas relacionadas ao frio tipo eczema, problemas de pele, respiratorios, osseos, etc nao sao tao frequentes; 3. maior numero de horas de claridade do sol, por ex.: quem mora no Reino Unido sabe que as 4horas da tarde em pleno Dezembro ja esta escuro como o breu, para nao falar que em certos lugares nem 1hora de luz se ve no inverno; 4. o facto de haver mais luz solar proporciona maior nivel de satisfacao, talvez isto explique porque os ingleses ou noruegueses teem uma imagem de serem fechados e dificeis de se lhe arrancar um sorriso no rosto... Por todas estas e tantas mais razoes um portugues nao deveria pensar que esta na cauda da Europa, mas sim num "jardim 'a beira mar plantado". Para mim qualidade de vida sao estas pequenas coisas que se transformam em gigantes. Para quem pensa que o sistema de saude e de educacao do Reino Unido por ex 'e perfeito, desengane-se! Na minha opiniao sao muitas vezes piores que os de Portugal! Coisas simples como pedir uma analise de sangue ou ver um especialista sao quase sempre negados nesse pais! Em termos de educacao as criancas inglesas nao querem saber se Franca faz parte da Europa ou se 'e uma provincia da Australia! Mas bom este seria outro topico de conversacao...].

Voltando ao forte dos Reis Magos, aqui esta ele:
Esta fortaleza foi desenhada em 1597 pelo padre jesuíta Gaspar de Samperes. Como se pode ver na imagem o forte tem a forma de um poligono estrelado, com o ângulo reentrante voltado para o Norte. A sua construccao ficou a cargo de Jeronimo de Albuquerque Maranhao.


Como se pode ver, por dentro este forte tem caracteristicas da construccao tipica portuguesa:

in http://pt.wikipedia.org/wiki/Fortaleza_dos_Reis_Magos

Foi mandado construir para que as tropas portuguesas pudessem se defender contra piratas franceses que naquela altura procuravar traficar o pau-brasil no nordeste brasileiro. Assim, foram dadas ordens para que se construisse uma fortificacao ao Capitão-mor da Capitania de Pernambuco, cujo nome era Manuel de Mascarenhas Homem.

2 comentários:

miki disse...

Sabes que,infelizmente, queixamos-nos sempre daquilo que não temos! Portugal está a passar um mau momento e é de lamentar que este povo não se una, para juntos vencermos. Vivemos num estado do quero-posso-e-mando, onde as altas chefias não se compadecem pelas gentes simples e simpáticas de que nos falas e onde se dá primazia aos compadrios que tanto atrasam este jardim à beira mar plantado. Acredito nesta nação valente e imortal, mas não posso deixar de me queixar...

Anocas disse...

'E bem verdade o que dizes Miki! Talvez uma uniao mais proxima (e nao falo de interesses) entre Portugal e Brasil, assim como os restantes paises lusofonos nos fizesse bem. A ver vamos o que vai dar esse novo Acordo Ortografico... :)